Vencemos na Câmara! O projeto já passou pelas duas discussões com os vereadores e agora só depende da sanção do prefeito Marcelo Crivella. Deixe seu recado nas redes sociais dele para que o projeto vire lei logo!
Pressione!
AGORA É COM O CRIVELLA!
Graças aos mais de 15 mil cariocas que pressionaram e se mobilizaram pelo fim dos canudos de plástico na cidade, conseguimos uma enorme vitória! O projeto de lei foi aprovado nas duas discussões em tempo recorde e agora falta apenas uma simples etapa: ser sancionada pelo Prefeito Marcelo Crivella.
Depois de publicado no Diário Oficial , ele tem até 15 dias para aprovar a lei e ela passa a valer imediatamente. Então, para que ele saiba que os cariocas de certidão e coração querem o fim dos canudos, deixe seu recado nas redes sociais dele!
Pode escrever o recado como você quiser, mas se ficar na dúvida, pode colar o recadinho abaixo!
"Crivella, queremos uma cidade sem canudos de plástico. Contamos com você para sancionar a lei que proíbe canudos de plástico no Rio #RioSemCanudo #RioSemPlástico".
Facebook
Twitter
Instagram
Em dezembro de 2016, nossa cidade recebeu o prêmio de Patrimônio Mundial da Unesco, se tornando a primeira área urbana a ter o valor de sua paisagem reconhecido mundialmente. Esta conquista corre, atualmente, sério risco devido a um pequeno material que muitas vezes passa despercebido por nossos olhos.
Estima-se que os canudos representem 4% do lixo mundial. Infelizmente não contamos com um vasto material que levante dados sobre o uso de canudos no Brasil, mas em países como os Estados Unidos, por exemplo, são usados meio bilhão de canudos por dia. Com essa quantidade, seria possível empilhar canudos a ponto de darmos duas voltas e meia no planeta em um período de 24 horas.
Cientes da importância deste assunto, a redução no uso
de plásticos vem ganhando cada vez mais espaço nas agendas políticas. Atualmente, mais de dez países ao redor do mundo já aprovaram projetos de leis que combatem o uso de plásticos. Índia, Bélgica e Noruega são alguns dos exemplos, além dos latino-americanos Uruguai, Costa Rica e Panamá.
No dia 28 de maio, a União Europeia se posicionou favoravelmente ao fim da fabricação de copos, canudos e embalagens plásticas. A França, por exemplo, aprovou, em julho de 2017, uma lei que proibirá a venda de talheres, copos e plásticos descartáveis que não sejam biodegradáveis até o ano de 2020.
POR QUE O MEU RIO ENTROU NESSA?
O Meu Rio acredita que a construção de um Rio de Janeiro mais justo e inclusivo passa por dois pontos imprescindíveis: transparência e participação cidadã. Precisamos de pessoas cada vez mais engajadas e informadas para construir uma política que, de fato, "cuide das pessoas".
contato@meurio.org.br
(21) 3079-1333
QUEM TÁ COM A GENTE
Logo Ecosurf
Logo Menos1Lixo